terça-feira, 15 de abril de 2008

Anfíbios/Rães/Dengue



RanidaeRafinesque, 1814














Rana ridibunda


A família Ranidae é constituída por uma grande diversidade de espécies que se distribuem por todo o mundo à excepção do sul da África e da maior parte da Austrália oriental.
A rã é um
anfíbio anuro da família Ranidae, que vive na proximidade de lagos ou outros lugares úmidos. Como outros anuros, possui membrana nictante e pulmões quando adulta, mas sua respiração se dá principalmente pela pele.
Alimenta-se de
insectos, vermes e outros pequenos animais, sendo quase sempre carnívora, que captura com a língua, inserida na frente da boca. Emite sons variados que servem para diferentes propósitos como atração da fêmea e delimitação da territorialidade com outros machos. Algumas poucas espécies possuem glândulas parotóides produtoras de veneno, que no entanto são uma protecção passiva, já que não possuem mecanismos de inoculação e só têm efeito quando em contato com mucosas.
Há pelo menos doze famílias de rãs. A família Ranidae engloba as rãs verdadeiras. O género
Rana, desta família, é cosmopolita.
A rã é muito usada em experimentos científicos, sendo criada em
biotérios para este fim.
Como outros anfíbios, está em processo acelerado de
extinção em todo o planeta, por motivos ainda ignorados. As hipóteses mais aventadas são:
o aquecimento e conseqüente dessecamento global
a contaminação dos lençóis de água por agrotóxicos.


Esta, ao lado, eu e Rafael/Cadinho, quando realizávamos trabalho de Educação Ambiental em nossa cidade, fotografamos dentro de bueiro, ralo, boca de lobo, no Bairro Capão em Armação dos Búzios/Rj.

Evidencia o quanto precisamos cuidar da biota, se desejamos passar um bom legado, às futuras gerações, já que este anfíbio anuro, encontra-se ameaçado de extinção e representa um dos maiores predadores de mosquitos e suas larvas, inclusive o da Dengue.( Aedes aegypti)

Crédito foto: Rafael/Cadinho


Ranidae































































Nenhum comentário: