sábado, 26 de abril de 2008

Regiões Norte, Nordeste e Baixada Fluminente/Rj, poderão ter epidemia de Dengue em 2009.

"Quem Salva uma Vida, Salva o Mundo Inteiro"
"Ditado Judeu"

O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, admitiu hoje que existe risco de o Nordeste, o Norte e a Baixada Fluminense viverem no ano que vem uma epidemia de dengue semelhante à que acontece neste ano no Rio de Janeiro. "Existe sim o risco de a doença se espalhar no ano que vem", afirmou. Na próxima semana, Temporão se reúne com governadores do Nordeste em uma ação para que eles recomendem aos prefeitos a adotarem medidas de prevenção contra a doença. "Nenhum país do mundo é capaz de enfrentar a epidemia da doença com falta de acesso à água e a condições de moradia e de limpeza urbana, além de educação, conscientização e mobilização."

Segundo o ministro, no Rio de Janeiro houve falha tanto no combate ao vetor quanto no atendimento à população. Temporão afirmou que o atendimento médico no Rio é todo centrado em prontos-socorros de grandes hospitais, o que dificulta o atendimento de um grande volume de pessoas e favorece o número de óbitos. O ministro participou hoje da inauguração do Centro Logístico Bomi para a indústria farmacêutica, em Itapevi, São Paulo.

No ano passado, segundo ele, o governo federal destinou R$ 700 milhões para Estados e municípios no combate à dengue. Neste ano, a previsão é de R$ 800 milhões. "Já estamos fazendo tudo o que temos de fazer para evitar a doença. Tudo o que há de mais eficaz contra a dengue o Brasil utiliza, mas em condições de miséria e de falta de moradia acho que é muito difícil a ação. Nesse aspecto, tudo o que está no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) tende a ajudar", disse.

Fonte: Yahoo Notícias/25/04/2008.

Nossa opinião: Na verdade, pode haver uma epidemia generelizada de Dengue e outras endemias no país em virtude de tudo que o ministro diz e mais ainda: falta de saneamento básico à população, falta de investimentos na educação(conscientizão), falta de estrutura básica na saúde, na maior parte dos municípios, "falta de Vontade de Fazer", falta de competência, falta de vontade de aprender, etc.etc.etc e principalmente, falta de respeito à população, guardadas evidentemente, às devidas proporções!

Biólogo Ambiental Carlos Simas






2 comentários:

Marisa (anjo da poesia) disse...

a muito importante que as pessoas realmente tomassem conciência do mal que está abrangendo o país...mas isso só pode ser feito principalmente,levando a informação,ao conhecimento de tal problema...
Bonito seu trabalho...
Parabéns...
Marisa Pasternak(Anjo da poesia)

biologocarlossimas disse...

Muito obrigado por seu comentário Marisa. Esse carinho de vocês, com certeza, nos conduzirá no caminho da difusão do conhecimento mútuo. Forte abraço vc, família e amigos!