segunda-feira, 5 de março de 2012

Joaninha ( Coccienella septempuntat )










As Joaninhas (Coccienella septempuntat) são insetos da Ordem Coleóptera (Besouros) multicoloridos da família Coccinellidae, Filo Arthropoda, holometábolos (que desenvolvem Reprodução Completa: Ovo, larva, Pulpa e Adulto).

Apesar da extrema beleza, são predadores vorazes de outros insetos pragas na Agricultura, servindo, portanto como ótimos indicadores e controladores Biológicos. Sua forma de defesa são Suas cores fortes que sugerem ao predador natural cautela, quanto a veneno, ou gosto Impalatável ao ser devorada.

Algumas espécies ao repousar se deitam com o Abdômen para cima e excretam uma substância de odor desagradável, fingindo-se de Mortas e desviando a atenção do predador Natural. A Fêmea pode colocar entre Dez a Mais de Mil ovos por Postura, geralmente agrupados sobre Folhas ou Caule de Plantas.

Assim com os demais insetos, são organismos Dioicos, ou seja, existem anatomicamente machos e fêmeas, inclusive existindo em algumas espécies diferenças morfológicas bastante nítidas e distinguíveis.

Seus ovos eclodem em uma semana e esses insetos podem viver até cento e oitenta dias. Nada ruim para um minúsculo inseto que pode medir entre um e Dez Milímetros. Há cerca de quatro mil e quinhentas espécies na família, distribuídas entre trezentos e cinquenta no Gênero distinguíveis por padrões de cores e pintas nas carapaças (exoesqueleto quitinoso).

Possuem Duas Antenas (Sensores), para detectar Cheiro e Gosto. São capturados por insetos maiores como Vespas; Pássaros e Anfíbios.

Apesar da Grande utilidade das Joaninhas na Agricultura, estão Sujeitas à Extinção, pelo uso Indiscriminado de Agrotóxicos, sem falar nas Queimadas criminosas. Portanto, para que possamos Preservá-las, conheçamos mais esse minúsculo inseto, que enche nosso mundo com seu maravilhoso Colorido e Protege nossa Alimentação.


Biólogo Ambiental Carlos Simas





Nenhum comentário: